Monsanto – A mais bela Aldeia de Portugal


Aldeia de Monsanto - Roteiro na Mão
Aldeia de Monsanto – Roteiro na Mão

O dia estava bastante fechado, chegou até a garoar (coisa que os moradores disseram que é difícil acontecer) e o vento estava realmente forte. De longe Monsanto já impressionava, erguida na encosta de uma colina, a aldeia parecia suspensa no ar. Deixamos o carro no Miradouro da Praça dos Canhões, bem na entrada da Aldeia.

Aldeia de Monsanto - Roteiro na Mão
Aldeia de Monsanto – Roteiro na Mão

Assim que começamos nossa caminhada já de cara percebemos que era um lugar diferente de tudo o que já tínhamos visto até então, conforme você começa a subida o que se vê são enormes rochas, muitas parecem estar flutuando como se a qualquer momento tudo aquilo fosse rolar pra cima de você. Como aquelas pedras imensas foram parar ali?

Aldeia de Monsanto - Roteiro na Mão
Aldeia de Monsanto – Roteiro na Mão

Monsanto existe desde D.Afonso Henriques, o primeiro Rei de Portugal, porém há muitos vestígios dos povos bárbaros e árabes como prova de que habitaram também a região.

Aldeia de Monsanto - Roteiro na Mão
Aldeia de Monsanto – Roteiro na Mão

Ganhou em 1938 o título de “A Aldeia mais Portuguesa de Portugal” e como representação do título, a Aldeia recebeu o Galo de Prata que você pode ver sua réplica na Torre de Lucano, um dos principais monumentos de Monsanto, do sec.XV. Hoje Monsanto tem em torno de 800 habitantes.

Torre de Lucano - Roteiro na Mão
Torre de Lucano – Roteiro na Mâo

Todas as casas são construídas em pedras e vão se encaixando e se moldando por entre as enormes rochas do local. Fiquei imaginando como os moradores suportam o inverno, embora tenha percebido a chaminé da lareira em quase todas as casas. A vantagem fica com o verão onde a temperatura pode chegar aos 37ºC e com certeza as pedras deixam o ambiente mais fresco.

Aldeia dee Monsanto - Roteiro na Mão
Aldeia de Monsanto – Roteiro na Mão

Já aviso que caminhar por Monsanto é um desafio constante mas uma montanha-russa de emoções, a cada momento uma paisagem inesperada. Encontramos a casa que viveu Fernando Namora, médico e escritor português, inclusive era nesta casa que o médico atendia os moradores da aldeia.

Aldeia de Monsanto - Roteiro na Mão
Aldeia de Monsanto – Roteiro na Mão

Continuando nossa caminhada, passamos pelo Pelourinho e também pela Igrejas Matriz a de San Salvador. Bem próximo a casa de Fernando Namora, nos deparamos com uma placa apontando para o “Banco da Paciência”, é uma pedra bem de frente a Casa da Câmara e a cadeia, a história que contam é que o povo ficava por horas sentados nessa pedra enquanto aguardava pelo seu processo ou mesmo para a visita de presos. Dizem que a espera era tão longa que passaram a chamar a pedra de “Pedra da Paciência”…

Igreja Matriz Monsanto - Roteiro na Mão
Igreja Matriz Monsanto – Roteiro na Mão

Seguíamos subindo quando nos deparamos com uma gruta muito pequena mas que nos impressionou por ser toda entre rochas imensas, vale a pena entrar para conhecer, mas já acenda a luz do celular.

Casa de Fernando Namora - Roteiro na Mão
Casa de Fernando Namora – Roteiro na Mão

Lá seguíamos nós… acabaram as ruas de pedra e só nos restou uma subida íngreme em meio a muita vegetação. A cidade ficando cada vez mais distante dos nossos olhos. Esteja com calçado apropriado para a caminhada pois a subida ao Castelo é bem longa, eu estava com uma bota de couro e passei um certo perrengue.

Castelo de Monsanto - Roteiro na Mão
Castelo de Monsanto – Roteiro na Mão

Chegada ao Castelo e o visual mais que compensador. D. Afonso Henriques conquista Monsanto e em 1165 faz sua doação à Ordem dos Templários que foram os responsáveis por edificar o Castelo de Monsanto. Erguido na costa de 758 metros acima do nível do mar e com muralhas reforçadas por diversas torres. Adiante encontramos a torre de menagem, denominada Torre da Atalaia. No mesmo espaço existe ainda a cisterna, as escadas (intactas) de acesso ao caminho no topo dos muros e as ruínas da Capela de Nossa Senhora do Castelo. As ruínas do castelo são ainda palco da festa de Santa Cruz que ocorre todos os anos no mês de Maio.

Castelo de Monsanto - Roteiro na Mão
Castelo de Monsanto – Roteiro na Mão

Monsanto foi uma descoberta incrível!! Se perder por suas ruas estreitas, cafés super acolhedores, artesanato impecável e sem dúvida as casas em pedras e por entre pedras… o ponto alto do passeio.

Castelo de Monsanto - Roteiro na Mão
Castelo de Monsanto – Roteiro na Mão

A capacidade de Portugal em manter suas raízes é algo impressionante, ali nada se perde com o passar dos anos e nós somos os felizardos que podemos viajar no tempo a cada cantinho visitado.

Visite Monsanto! Explore as Aldeias de Portugal!

Você também vai gostar de ler:

Cris Hossu

ROTEIRO NA MÃO: Uma família que ama viajar! Uma família louca por viagens e que está sempre de malas prontas para embarcar, não importa pra onde.

Também Poderá Gostar

FAÇA UM COMENTÁRIO